Páginas

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Câmera na ponta dos dedos

 

Cansado de carregar um trambolho e perder os melhores momentos das viagens e passeios? Use esses anéis para fotografar. Praticidade é isso!
Funciona com dois anéis de silicone: o do dedão tem a câmera e do indicador é o que dispara a foto ou até filma, se você fizer um gesto de concha. A câmera detecta o dobrar dos dedos para capturar o momento.

Ah, as fotos são enviadas via bluetooth automaticamente para seu smartphone. Então você não precisa se preocupar com armazenamento.

É um conceito de Yeon Su Kim que esperamos virar realidade logo!

Via Permalink.

Baixar gratis a revista VEJA “O melhor professor do mundo”

capa380

BAIXAR

Jovem sem habilitação provoca acidente envolvendo quatro veículos

jovem 001

Outra execução em Imperatriz, uma média de um assassinato a cada dois dias

 


Aconteceu nesta segunda feira o décimo quinto assassinato do mês de janeiro de 2012, o crime foi no Parque Anhangüera por volta das 21 h, Rua Dom Pedro II, Ronald de Sousa Abreu, 20 anos idade foi morto com quatro tiros, sendo trés nas costa e um no ombro segundo o perito do ICRIM.
Ele que estava morando num quarto á pouco tempo no bairro. vizinhos ouviram somente os tiros, devido ter mudado ressentimento para local onde foi executado, a Polícia acredita que o mesmo tenha vindo para se esconder, por este motivo a policia trabalha que o crime tenha sido um acerto de contas relacionado ao mundo das drogas.
O velório de Ronaldo deve acontecer na Rua Godofredo Viana próximo ao prédio da Prefeitura na casa da avó,Dona Raimunda Taxista.

Fonte: http://noticiadafoto.blogspot.com

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

BOMBA! SHOW DA BANDA TRIBO DE JAH EM IMPERATRIZ PODE TER SIDO SUPERFATURADO

 

Assim como outras festas importantes do calendário festivo de Imperatriz, como o carnaval e o aniversário da cidade, o réveillon de 2012 foi precedido com denúncias em torno da sua realização. Com a divulgação do show da Tribo de Jah, o blogueiro Marlon,  começou a publicar uma série de denúncias em seu blog dando conta do superfaturamento do show. Dias depois foi a vez do blogueiro Samuel Souza publicar um email enviado pelo empresário da banda Tribo de Jah, que dentre outras coisas elogiava o poder de negociação dos integrantes do governo Madeira, além de citar o valor exato pago pelo show.

A matéria publicada por Samuel Souza, intitulada PRODUÇÃO DA TRIBO DE JAH ESCLARECE SOBRE CACHÊ EM IMPERATRIZ, chamou muita a atenção dos nossos redatores, afinal o valor de contratação segundo o empresário da banda Frazão Oliveira seria de 40 mil reais, entretanto já sabíamos que o valor empenhado para o show era de 55 mil reais, portanto, 15 mil reais a mais do que afirmado na nota emitida pelo produtor da banda.

O portal WikiLeaks ITZ aguardou ansiosamente pela atualização do Portal da Transparência, porém até hoje dia 23 de janeiro de 2012 o portal continua desatualizado com os últimos dados inseridos no dia 27 de dezembro de 2011. Como os indícios são fortes e para que o assunto não caísse no esquecimento, resolvemos trazer a tona mais esse escândalo.

Veja abaixo o Extrato de Empenho emitido pela Prefeitura no dia 01/12/2011 . No campo Tipo de Empenho, está detalhado como empenho ordinário. Um empenho pode ser classificado como ordinário quando o valor do produto ou serviço é conhecido com antecedência, ou seja, quando o ente que contrata já conhece o valor exato que será pago pelo produto ou serviço.

Ainda de acordo com a imagem abaixo, o empenho já está em fase de liquidação, ou seja, recebimento de notas fiscais e outros trâmites legais para que o pagamento seja de fato efetuado. Como se trata de um show, o valor já deve ter sido pago, porém não podemos afirmar isto até a atualização do portal da transparência do município.

Não é a primeira vez que denúncias envolvendo eventos promovidos pela Prefeitura de Imperatriz são publicadas, basta recordar do LAVA JATO que forneceu uma banda para o carnaval 2011 (veja aqui) e dos 36 mil reais pagos a mais pelo show da banda Os Paralamas do Sucesso no aniversário da cidade (veja aqui). Caso se confirme mais esta denúncia, resta saber onde foram parar os 15 mil reais pagos a mais pela Prefeitura Municipal de Imperatriz.

Fonte: http://wikileaksitz.blogspot.com

domingo, 22 de janeiro de 2012

Cemar corta energia elétrica de Biblioteca em São Francisco do Brejão




Cansada de tanto ser ludibriada pela prefeitura de São Francisco do Brejão, a Cemar há quase 30 dias cortou a energia da Biblioteca Pública e do Telecentro Comunitário. Com as luzes apagadas ninguém da comunidade tem acesso ás pesquisas. No Telecentro são mais de 70 jovens que estão sem assistir aulas do curso de computação.

Uma verdadeira calamidade num município que praticamente não se vê uma boa noticia. Mais uma vergonha pra o prefeito Alex que durante os anos de mandato nunca moveu uma palha em obras e serviços e muito menos em favor da saúde e educação.

Do Blog http://rei12.blogspot.com/

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Conhecendo o famoso criatório de peixe do Dr. Lima

Abraço ao grande amigo que recebeu nossa equipe em sua residência, e nos contou projetos para o futuro…

FIEL QUE ATRASAR PAGAMENTO DE DÍZIMO, TERÁ O NOME NO SPC E SERASA

Mais uma dos “Mercadores da fé” enganando trouxas….
A Igreja Universal vai enviar para o SPC/SERASA os fieis que estão com o pagamento do dízimo em atraso. A medida tomada pelos bispos com o objetivo de reduzir a inadimplência por parte dos fiéis. O departamento de finanças e arrecadação da Igreja, não informou a quantidade de inadimplentes, mas estimasse que os maus pagadores estão causando um prejuízo mensal de quase 1 bilhão de reais.
Quem estiver devendo o dízimo e não quiser ter o nome incluso no SPC ou SERASA, deve entrar em contato com a Universal para renegociar a dívida, podendo parcelar no cartão de crédito o débito, com uma baixa taxa de juros de 72% ao mês.
Além da inclusão dos devedores no SPC e SERASA, a diretoria financeira pretende também cobrar multa, de rescisão de contrato, caso um fiel troque a Universal por outra igreja.
José da Silva Rodrigues Pimenta Pereira, disse que acha justa a medida da Universal, pois vai fazer com que os fieis sejam pontuais com o dinheiro de Deus. “Eu ganho 500 reais, e pago 200 reais pra Universal, nunca atrasei um pagamento, e tem gente que ganha muito mais que eu e atrasa, não acho justo, a Universal tem que tomar uma medida mesmo”, disse José ao repórter de G17.

Medida foi tomada pelos Bispos para reduzir a inadimplência no pagamento do dízimo.

fonte: http://sofaloaverdade.blogspot.com

Família e filho de padre morto disputam herança de R$ 5 milhões no interior de Minas Gerais

 

  • Fabrício (esq.) tenta recuperar herança do padre Roldão (dir.), avaliada em R$ 5 milhões

    Foi, porém, uma outra descoberta que surpreendeu ainda mais Nascentes: a de que seu pai padre havia acumulado, entre uma missa e outra, uma fortuna avaliada em R$ 5 milhões, entre joias, uma fazenda e outros bens. Tudo seria dividido entre dois irmãos vivos do padre e outros 37 sobrinhos, filhos dos outros seis irmãos dele, já falecidos. Agora, Nascentes enfrenta duas batalhas: o reconhecimento da paternidade e o direito de receber sua parte na herança.

    Paternidade

    Nascentes conta que soube da identidade do pai por meio de um sobrinho do padre Roldão. “No primeiro momento duvidei, mas depois falei com minha mãe e ela me confirmou. Briguei, porque eu sempre perguntei pelo meu pai e nunca me disseram nada. Ela se explicou e disse que me protegeu da verdade por ter medo de eu ser criticado e ignorado por outras pessoas”, disse.

    A confirmação da paternidade foi em abril do ano passado, quando o vendedor de pão de queijo fez um exame de DNA com o sangue dos dois irmãos do padre Roldão Rodrigues. “O exame foi extrajudicial e feito de forma amigável entre as duas partes”, disse o advogado de Fabrício Nascentes, Cleanto Francisco. A mãe de Nascentes prefere não comentar o caso. “Ela já foi muito humilhada. Quando engravidou foi expulsa de casa”, disse o filho.

    Herança

    O processo está correndo sob segredo de Justiça, porém o vendedor explica que decidiu torná-lo público após uma das sobrinhas do padre Roldão, Evalda das Dores Gonçalves, inaugurar uma clínica de recuperação na fazenda, que está incluída no processo de divisão da herança. “Fiquei indignado, porque o espaço não é dela”, disse.

    Evalda explica que o padre deixou um inventário fazendo a doação da fazenda para quem morava com ele. “Ninguém sabia da existência de um filho. A clínica era um sonho do meu tio. Estou dando continuidade ao que ele fez”, disse.

    • Arquivo pessoal

      Fazenda do padre Roldão tem piscina e 16 suítes

    A sobrinha ainda conta que existem três processos envolvendo a fazenda. “Um sobre o testamento que ele deixou, outro para dividir a herança com a família e o terceiro sobre a paternidade do Fabrício”, disse.

    O testamento foi contestado pelo advogado de Nascentes. Segundo ele,  o documento não foi feito conforme determina a lei. “Todo o processo ainda está em trânsito, mas o inventário já foi anulado quando entramos com processo em Unaí (cidade em que o padre morreu)”, disse.

    Durante entrevista concedida por telefone ao UOL, o vendedor disse que a advogada da família do padre já repassou um valor de 8.000 euros e um carro para ele.  “Filho é filho”, disse. O advogado de Nascentes preferiu não comentar sobre o assunto. O juiz titular da vara de Família de Patos de Minas, Tenório Silva Santos, disse que não houve nenhuma determinação judicial por parte dele para que fosse repassado algum valor.

    Novo DNA

    O juiz titular da vara da família em Patos de Minas, Tenório Silva Santos, disse ao UOL que o processo de investigação de paternidade ainda está no início e que o exame de DNA feito pelas partes, fora do processo judicial, ainda não tem validade para a Justiça.

    “É uma peça antes do processo. Trata-se de um princípio e não de um indício. Ainda estamos em processo de citação das partes para participarem do processo”, disse.

    Tenório Santos ainda disse que, se for necessário, irá pedir um novo exame. “O DNA deve ser feito sob fiscalização do juízo competente se houver contestação de alguma parte envolvida.”

    Fuga para a Itália

    O padre Roldão Gonçalves Rodrigues fazia parte do clero da diocese de Patos de Minas e estava a serviço da diocese de Paracatu, na cidade de Unaí, onde faleceu. Segundo Nascentes, o padre teria sido enviado à Itália após ter engravidado sua mãe.

    “Depois de um tempo ele voltou para a cidade”, disse. O UOL tentou falar com a Cúria Diocesana em Patos de Minas e Paracatu sobre o caso, mas não teve resposta.

Fonte: Uol

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Rapaz acidentado morre no Hospital

jornal 001

Morreu ao meio dia de ontem, na UTI do Hospital das Clínicas, o adolescente Valdilemo Pereira Torres Junior, 17 anos de idade, que em 10 de janeiro de 2012 sofreu acidente grave quando o veículo Vectra que ele ocupava de carono colidiu com uma ambulância de Governador Edson Lobão, no cruzamento da Avenida Ceará com a Rua José Bonifácio.

No acidente, Juninho ficou preso nas ferragens do Vectra e só foi retirado pelo corpo de bombeiros, que teve que cortar a porta. Levado naquela madurgada para o Socorrão, foi tranferido na manhã do mesmo dia para o HC, permacendo em estado grave e inalterado até esta terça-feira.

O acidente aconteceu quando Júnior e um amigo, que dirigia o Vectra, estavam indo ao Socorrão.

Fonte: Correio Popular

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

PM PRESO DO 3º BATALHÃO PASSA MAL E VAI A HOSPITAL

Hoje pela manhã o Soldado Rafael Teixeira passa mal nas dependências do 3º Batalhão e vai a hospital, sentido pressão alta, calafrios e crises de choro, devido aos seus problemas psicológicos. Foi Atendido no Hospital da Unimed, medicado e retornou a sua cela. Abaixo segue com exclusividade ao nosso blog Imperanoticias o atestando a qual o médico passou ao Soldado Rafael.

02011000020110010201100202011003

 

Logo mais abaixo a reportagem do blog www.rei12.blogspot.com falando sobre o caso.

MÉDICO CORONEL DO 3º BATALHÃO DA VOZ DE PRISÃO AO SOLDADO POR APRESENTAR ATESTADO MÉDICO!!!

OS BANDIDOS COM CRIMES MENORES SENTENCIADOS ABAIXO DE 4 ANOS FICAM RESPONDENDO EM LIBERDADE, O POLICIAL MILITAR PÕE UM ATESTADO MÉDICO, ONDE NÃO HA CRIME NENHUM, ONDE FOI RECEITADO POR UM MÉDICO ESPECIALISTA, VAI PARA ATRÁS DAS GRADES. COMO IREI TRABALHAR E COMBATER A CRIMINALIDADE SE DENTRO DA MINHA INSTITUIÇÃO, O QUE ROLA SÃO ESTES TIPOS DE ATROCIDADES, E QUE NÃO SÃO DIVULGADAS. COMO TEREI ANIMO PARA COMBATER O CRIME SE É ISSO QUE ACONTECE E QUE ME REVOLTA, INDIGNA, ME DEIXA COM UM NÓ NA GARGANTA!!! BANDIDOS SOLTOS E PAIS DE FAMILIA PRESOS, HOJE O POLICIAL É ROTULADO E JULGADO POR TODAS AS ESFERAS DA SOCIEDADE, E SENTE-SE ACUADO, FRAGILIZADO, CABISBAIXO, COM TANTA INJUSTIÇA, VOCÊS JÁ SE PERGUNTARAM POR QUE TEM TANTO POLICIAL SAINDO DAS FILEIRAS INDO TENTAR A VIDA EM OUTRAS INSTITUIÇÕES? A RESPOSTA É UMA SÓ, INJUSTIÇA É ISSO QUE ACONTECE DENTRO DA POLICIA MILITAR DO MARANHÃO!!! CONHEÇO BEM AS ATROCIDADES QUE ACONTECEM DENTRO DA CLÍNICA MÉDICA DAQUELE BATALHÃO!!! INFELIZMENTE HOJE MEU MAIOR OBJETIVO, E NÃO TENHO VERGONHA DE FALAR E ESTOU ESTUDANDO PARA ISSO, É SAIR DA POLICIA MILITAR, PORQUE VEJO SE PERPETUAR AS INJUSTIÇAS, POR PARTE DOS COMANDANTES(FASCINOLAS), ONDE JULGAM E SENTENCIAM PRAÇAS, ARBITRARIAMENTE E QUEM TEM ESPIRITO REVOLUCIONARIO NÃO AGUENTA TANTA," MANCIDEZ" POR PARTE DOS PRAÇAS!!!

O TENENTE CORONEL NASCER, VEM PREJUDICANDO OS PRAÇAS DAQUELE BATALHÃO, COM INTUITO DE TÃO SOMENTE JOGAR O POLICIAL NA RUA PARA TRABALHAR MESMO QUE SEM CONDIÇÕES. JÁ TIVEMOS VARIOS EXEMPLOS DE POLICIAL, MATANDO PESSOAS, POR NÃO TER CONDIÇÕES PSICOLOGICAS IDEAL PARA TRABALHAR NA RUA, MAS NAQUELA CIDADE O QUE SE TEM EM MENTE POR PARTE DO COMANDO É QUE POLICIAL É NUMERO, E QUANTO MAIS NA RUA, MENOR A CRIMINALIDADE, MAS SE ENGANA ESTES PENSADORES POR QUE OS CRIMES PASSAM A SER COMETIDOS PELOS PROPRIOS POLICIAIS, ONDE SOFREM DE DEWVIO DE COMPORTAMENTE BIPOLAR!!! NÃO SEI ONDE IRA TERMINAR ESTE CASO MAS PEDIMOS JUSTIÇA E QUE O CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA SE IMPONHA DIANTE DE TAIS ATROCIDADES POR ESSE MÉDICO DESTRATA ATE SEUS COMPANHEIROS ESPECIALISTAS DESCARTANDO SUAS ATRIBUIÇÕES.
vejam o vídeo abaixo:

Quantas Saudades

image

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Baixar revista VEJA 12 de Janeiro de 2012

VE00

BAIXAR

Polêmica: Soldado Rafael Teixeira continua preso no quartel

 

clip_image002

Na carceragem do 3º BPM em Imperatriz, já perdura por Cinco dias a situação degradante em que se encontra o Soldado PM Rafael Teixeira, lotado no 2º Epmont, em João Lisboa, no qual o mesmo se encontra em profundo estado de depressão, uma vez que, os remédios tarja preta (EUTONIS) e (DEPAXAN), que o referido praça, estava sendo medicado acabaram. Neste ínterim, fora repassado para os superiores hierárquicos tal situação e mesmo ciente da condição que se encontra o soldado, o 2º Tenente QOPM Soares, juntamente com seus superiores recusaram permitir o deslocamento de Rafael, ao seu medico Psiquiatra, doutor João Ely, para receitar um novo medicamento, haja vista, que são remédios restritos, conseguidos apenas com prescrição medica competente.

A preocupação dos familiares, só aumenta, pois a ausência destes fármacos pode acarretar em distúrbios psicológicos e danos irreversíveis, uma vez que, há o temor do Soldado atentar contra sua própria vida, como atesta seu laudo médico psiquiátrico. Ele se encontra recluso em uma sela, sem espaço físico, juntamente com presos de justiça, o que potencializa negativamente o estado do praça.

Outro fator de revolta é o descaso que vem sendo tratado o soldado no Xadrez do 3º BPM, inclusive com privação de alimentos pela manhã, por parte da administração daquela instituição, algo que tem sido suavizado somente pela ação solidaria de amigos e parentes que trazem de seus lares o café da manhã para Rafael.

Enquanto isso a assessoria jurídica da Associação de cabos e soldados da Região Tocantina, luta em São Luis, para conseguir o relaxamento da prisão, na justiça militar, haja vista, a justiça comum de Imperatriz se declarou incompetente para julgar a Habeas Corpus impetrado pelo Dr. Daniel, advogado da Arcspmia.

enviado por e-mail de: moresergio@hotmail.com

clip_image004 clip_image006

clip_image008 clip_image010

Soldado Rafael recebendo visita dos famíliares neste domingo (08/01/2012), muito comovente toda a família chora durante a visita sem entender porque o Rafael continua preso…

Imperatriz manhã de muita chuva e acidentes

IMG_0097

IMG_0098

Este Celta vermelho avançou a preferêncial da Rua Godofrevo Viana em frente ao Bar Restaurante Mustang e o motoqueiro colidiu, tendo apenas prejuízos em bens materias e algumas raladuras.

sábado, 7 de janeiro de 2012

Ex-Menudo Robby enfrenta um câncer no abdômen

 

Robby Draco Rosa está em tratamento em uma clínica no Texas

Ex-Menudo Robby enfrenta um câncer no abdômen - Grosby-Group

Publicidade

O ex-Menudo Robby Draco Rosa, 41 anos, enfrenta uma grande batalha em sua vida. Mas, desta vez, não tem nada ver com o mundo musical. Para tristeza dos milhares de fãs da boyband das décadas de 80 e 90, o cantor foi diagnosticado com câncer no abdômen. O artista está internado na clínica Burzynski Clinic,em Houston, no Texas (EUA).

Seu agente Angelo Medina, através de um comunicado à imprensa, foi quem noticiou a doença de Robby.

"Nesse dia eu tenho que informar uma das notícias mais difíceis que eu já dei na minha carreira de mais de 30 anos. Durante vários meses, Draco teve várias doenças e problemas de saúde. Depois de visitar vários especialistas nos Estados Unidos, foi diagnosticado um tumor cancerígeno no abdômen, perto do fígado. Neste momento, ele está em tratamento especializado na clínica Burzynski Clinic, em Houston, no Texas”, disse o agente.

Contudo, Medina disse que Robby, que é casado há 21 anos e tem dois filhos - um de 15 e outro de 8 anos - está muito otimista quanto à sua recuperação:

“Ele é muito lutador e otimista. Ele é um homem muito sensível e o vi como um guerreiro”,.

O cantor ainda recebe a energia positiva de um de seus ex-companheiros de Menudo, Ricky Martin. Através do twitter, o intérprete de Copa de La Vida” escreveu: “@dracorosa Você é um guerreiro, irmão! Força”, disse.

Fenômeno Menudo

Menudo foi uma boyband latina de Porto Rico, criada em 1977 pelo produtor Edgardo Díaz. Na década de 1980 passaram pelo grupo Xavier Serbia, Miguel Cancel, Rene Farrait, Carlos Melendez, Johnny Lozada, Charlie Massó, Ray Reyes, Roy Rosello, Robby Draco Rosa e Ricky Martin, alcançando muita projeção. O primeiro país da América Latina em que ficaram famosos foi a Venezuela e depois outros países latino-americanos como México, Argentina, Colômbia, Chile, Uruguai e Brasil.

No Brasil, os rapazes e suas coreografias sensuais, encantaram adolescentes e formaram milhares de fãs-clubes. Na década de 80, o Menudo era o grupo musical de maior visibilidade na mídia brasileira. Uma verdadeira febre!

Nesta época, os gatos de Porto Rico só podiam fazer shows nos maiores estádios de futebol do Brasil, devido ao tamanho do público.

Nesta fase, o Menudo atingiu seu apogeu na América Latina e seus componentes eram os jovens Robby Rosa, Charlie Massó, Roy Rosselo, Ray Reyes e o ainda famoso Ricky Martin, este na época um pré-adolescente.

E cada um dos meninos tinha seu próprio fã clube, para as quais eles cantavam músicas em espanhol, inglês ou português, como If you're not here e Não Se Reprima, com suas danças características.

Mas o sucesso foi diminuindo após as substituições de alguns componentes, que iam se tornando adultos. O fim ocorreu gradativamente nos anos 90.

Robby Rosa e Ricky Martin foram alguns que seguiram carreira solo de sucesso.

Fonte: O Fuxico

POLÊMICA : Defesa tenta libertar PM acusado de ameaçar oficial médico

"O caso revela que o autoritarismo, egresso das masmorras da ditadura militar, ainda desfila impune nos quartéis da PM maranhense, lamentavelmente”, diz advogado.

Rafael Teixeira, atrás das grades...

Ganha repercussão na cidade de Imperatriz a prisão do soldado da Polícia Militar Rafael Teixeira Sousa, preso numa das celas do 3º Batalhão PM de Imperatriz desde a manhã de quarta-feira, 4 de janeiro de 2012, acusado de haver insultado e ameaçado de morte o médico militar Alberto Nasser.

Consta do depoimento do tenente coronel Nasser que o soldado Rafael, durante visitação médica, para homologação de atestado psiquiátricos, se alterou, proferindo insultos e até ameaçando de morte o seu superior, fato que teria ensejado na prisão do praça.

A fala das testemunhas sobre a ocorrência é divergente, ora sustentando a denúncia da suposta vítima ora negando a acusação que se imputa ao acusado.

O soldado Rafael, por sua vez, nega a acusação e revela que foi humilhado, tratado com desdenho e, ainda, que o médico do Quartel Alberto Nasser ignorou tanto o atestado quanto o laudo psiquiátrico reveladores de sua insanidade.

“Ele disse que eu estava mentindo e querendo enrolar e que os atestados nada valiam”, disse o PM diante da inquirição.

A defesa do preso, bancada pela Associação de Cabos e Soldados da Região Tocantina reagiu à prisão do policial e tenta, na justiça, a liberdade do PM.

“O flagrante lavrado no Quartel do 3º BPM tem o mofo e o mau cheiro do porão onde ele foi forjado. Temos convicção que o Paciente não praticou os crimes que se lhes imputam assim como sabemos que a forma em que o flagrante foi inspirado e produzido desafia a impetração da ordem libertatória. Vamos, em nome da Justiça, libertar o soldado Rafael”, disse, convicto, o advogado do preso Daniel Souza.

O advogado acrescentou, ainda, que o PM foi levado ao xadrez do Quartel às 08:30 horas da manhã de quarta-feira, 4 de janeiro de 2012, e que somente à tarde, por volta das 17:30 horas, se lhes informaram de seus direitos constitucionais.

“Muito suspeito. Esse fato demonstra que a lei de ritos penal foi violada, vez que é dever do Estado-Polícia informar ao preso, quando do ergastulamento, das garantias constitucionais inerentes à prisão, mesmo àquela decorrente de situação de flagrância. Ademais, ressalvo, o flagrante poderia ter sido realizado no tempo razoável já que todas as peças se encontravam às mãos da autoridade judiciária, não se justificando, pois, revelar ao preso de seus direitos constitucionais 9 horas depois do encarceramento”, asseverou a defesa.

CONTEXTO

No dia 17 dezembro de 2011, o soldado PM Rafael, de ficha funcional irrepreensível e detentor de bons antecedentes, teve a súbita notícia do falecimento da mãe, morta depois de um fulminante ataque cardíaco.

Fortemente abalado com a notícia, o PM foi encaminhado ao Hospital da Unimed, em Imperatriz, que, depois das primeiras avaliações médicas e diante do quadro depressivo do paciente, o encaminhou a uma consulta psiquiátrica, que diagnosticou, naquele instante, distúrbios mentais do soldado.

No dia 3 de janeiro de 2012, novamente submetido à avaliação médica psiquiátrica, constatou-se, através de laudo da lavra do psiquiatra João Eli, que o PM encontra-se incapacitado para o exercício do cargo, afetado psiquicamente, sujeito a tratamento especializado e a ingestão de medicamentos antipsicóticos, fato que motivou o comandante da Polícia Militar Montada, sediada na cidade de João Lisboa, a encaminhar o PM para o médico do 3º Batalhão PM de Imperatriz, Ten. Cel. Alberto Nasser.

“Esse é o contexto e dele não se pode fugir. As provas são robustas e revelam exatamente isso. Só não entendo como um policial que encontra-se doente, comprovadamente afetado, detentor de bom comportamento, sem qualquer envolvimento com o mundo torpe do crime, é tratado com descaso, desdenho, estupidez e cadeia pela Polícia do Estado do Maranhão. O caso revela que o autoritarismo, egresso das masmorras da ditadura militar, ainda desfila impune nos quartéis da PM maranhense, lamentavelmente”, acentuou o Dr. Daniel Souza.

(Texto enviado pela Assessoria de Imprensa da Assoc. de Cabos e Soldados de Imperatriz e Região Tocantina)

 

Fonte: http://josuemoura.blogspot.com/

 

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Sexto assassinato é registrado na manha desta sexta feira em Imperatriz

 






O sexto assassinato de janeiro foi registrado na manhã desta sexta feira em Imperatriz, o achado de cadavérico aconteceu na Rua Bandeirantes N° 10 Bairro da Vila Nova, populares encontram o homem de nome Izac morto com uma perfuração de arma branca no pescoço.
O corpo foi encontrado no quintal da residencia, ao lado do corpo um pote de cachaça em uma anorme possa de sangue, Izac era morador do Santa Rita, trabalhava no Bairro da Vila Nova numa eletrônica, segundo vizinhos da residência disseram que viram ele em companhia de uma mulher entrar na residencia abandonada ainda na madruga, a mulher reside no Bairro Vila Nova de nome Loura, usuária de drogas.
Á policia militar esteve no local e conduziu a mesma ate a Delegacia Regional, o corpo da vitima foi levado para IML de Imperatriz, segundo os peritos apenas uma perfuração por arma branca, para pericia ele teria sido morto na noite.


Mais detalhes no Jornal Correio Popular

Fonte: Blog do Pinheiro

 

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

PM faz apreenssão de 2 motos roubadas e drogas

 

04012012102Açailândia - Policiais Militares da 5ª Companhia, em Operação comandada pelo Major Edeilson Carvalho, que envolveu a Força Tática, GPTRAN e Rádio Patrulha, por volta das  13h30min, do dia 04 de janeiro de 2012 conseguiram prender : Huldyelderson de Araújo Reis, 21 anos; Max Carvalho de Sousa, 21 anos e Deusivan Vale Lima, 17 anos(sem comprovação de documento), todos residentes em Imperatriz. Com os mesmos foram recuperadas04012012104 duas motos Honda Bros 150, pretas, sem as placas, além de ser apreendida uma quantidade  de maconha, duas folhas de cheques, sendo uma no valor de R$500,00 (quinhentos reais) e outra em branco; dois aparelhos celulares de marca LG e NOKIA, e uma quantia de R$72,00 (setenta e dois reais ) em dinheiro.

Os conduzidos estavam trafegando pela BR 010, entre Imperatriz e Açailândia, ao passarem pela Barreira Policial da 5ª CI, localizada na BR 010, no município de Açailândia, na entrada do KM30, conhecido como pau do Nezinho, desobedeceram a ordem de parada, foram interceptados, dentro da cidade. Ao 04012012103serem abordados constatou-se que os mesmos haviam roubado as motocicletas no município de Imperatriz, e estavam conduzindo as mesmas para venderem ou trocarem por drogas, na Zona Rural de Buriticupu. Suspeita-se que os mesmos vinham tomando de assalto várias motocicletas no município de Imperatriz.

Com esta ação da PM de Açailândia, sobe para 04 (quatro), o número de motocicletas recuperadas pela Polícia Militar de Açailândia, que foram roubadas na Região Tocantina

 

 

 

 

Fote: rei12.blogspot.com